.posts recentes

. Super Nani

. Jonas e S. Vicente

. Carta aberta

. AdmonicoesDo2ºDomingoDoAd...

. AdmonicoesDo1ºDomingoDoAd...

. AdmonicoesDaSolenidadeDeN...

. AdmonicoesDo33ºDomingoDoT...

. AdmonicoesDo32ºDomingoDoT...

. AdmonicoesDo31ºDomingoDoT...

. AdmonicoesDo30ºDomingoDoT...

.arquivos

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Setembro 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

Sábado, 29 de Outubro de 2016

Admonicoes31º DomingoDoTempoComum_AnoC2016

 Quase no final deste Ano Santo da Misericórdia experimentemos transmitir o amor de Deus aqueles que O não conhecem.

As leituras de hoje mostram como o Senhor ama todas as suas criaturas apesar do seu pecado, das suas maldades ou das suas impurezas.

Como o salmista também nós poderemos dizer: Louvarei para sempre o Vosso nome, Senhor, meu Deus e meu Rei.

 

1ª leitura: do Livro da Sabedoria                              Sab 11, 22 – 12, 2

Embora deteste o mal, ainda assim o Senhor ama quem o pratica por ser criatura sua.

O Seu castigo é brando para quem cai mas persistente para que todos se afastem do pecado.

 

2ª leitura: da 2ª Carta de S. Paulo aos Tessalonicenses               2 Tes 1, 11 – 2, 2

Devemos estar sempre preparados para o encontro definitivo com Deus.

Mas este estar preparado passa simplesmente por estarmos no nosso lugar, cumprindo as nossas tarefas.

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. Lucas                                  Lc 19, 1 – 10

Talvez Zaqueu tivesse apenas curiosidade para ver quem era que passava.

O seu pequeno esforço ao subir à árvore foi largamente compensado pelo chamamento que Jesus lhe faz dizendo para descer depressa.

O Senhor também quer hoje dizer a cada um de nós: devo ficar em tua casa.

Terá a nossa resposta a mesma alegria que mostrou Zaqueu?

Para receber a salvação é preciso tomar consciência do nosso pecado e querermos mudar de vida porque para Deus não há casos perdidos.

publicado por decordovanaturais às 12:32
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 13 de Outubro de 2016

AdmoniçõesDo29ºDomingoDoTempoComum_AnoC2016

Na sociedade em que vivemos o stress é filosofia de vida pois tudo nos envolve a uma velocidade frenética. Por esse motivo as nossas pressas ainda se destacam mais quando comparadas com os tempos de Deus.

O Senhor preocupa-se connosco mas dá-nos liberdade nas nossas decisões que por vezes são de vistas curtas e não ponderadas. Parecem-nos que estão certas mas muitas vezes estão erradas, se analisadas num prisma de médio / longo prazo.

Queremos ser os donos das nossas vidas e não compreendemos realmente que “o nosso auxílio vem do Senhor, que fez o céu e a terra”.

 

 

1ª leitura: do Livro do Êxodo Ex 17, 8 - 13

Deus sabe bem o que precisamos mas está atento à nossa oração, principalmente quando feita com persistência e em comunidade.

Seremos nós capazes de ampararmos os braços cansados daqueles que sofrem à nossa volta?

 

 

2ª leitura: da Epístola de S. Paulo a Timóteo 2 Tim 3, 14 – 4, 2

Paulo aconselha Timóteo a estudar as Escrituras para encontrar a sabedoria que leva à salvação. Mas não basta conhecê-las de cor.

É importante ficar bem preparado para praticar as boas obras e poder proclamar a Palavra de Deus.

 

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. Lucas Lc 18, 1 - 8

Jesus ensina-nos o poder da oração e mostra como a fragilidade pode vencer a iniquidade através da constância.

Tomando consciência da nossa fraqueza podemos rezar com humildade certos de que Deus fará sempre justiça.

Quantas vezes não desistimos daquilo que buscamos por nos faltar a Fé?

publicado por decordovanaturais às 23:26
link do post | comentar | favorito
Sábado, 8 de Outubro de 2016

AdmonicoesDo28ºDomingoDoTempoComum-AnoC2016

 

 

“O Senhor manifestou a salvação a todos os povos”.

Nas leituras deste Domingo manifesta-se a vontade que Deus tem de salvar a todos, seja no aspecto da vida social e comunitária, seja no aspecto da vida interior e pessoal.

Vemos que não faz acepção de pessoas, salvando e curando não apenas os membros do povo eleito mas também estrangeiros que manifestam fé no Senhor e retribuem louvando-O pelo Seu poder.

 

 

1ª leitura: do Segundo Livro dos Reis                                       2Reis 5, 14 - 17

É bastante conhecida esta cura do sírio Naamã. Não foi o poder químico das águas do Jordão que curou aquele homem mas sim o poder do Senhor, Deus de Israel.

Poderia talvez ter águas mais limpas nos rios da sua terra mas, aprendendo com o profeta, ele acreditou e saiu curado.

Viu também a diferença entre aquele profeta e os curandeiros do seu país e foi reconhecido a Deus pelo bem que lhe concedeu.

Acreditamos nós neste poder que Deus tem para nos salvar? Sabemos agradecer os dons que Ele nos dá?

 

 

2ª leitura: da 2ª Epistola de S. Paulo a Timóteo                                                2Tm 2, 8 - 13

O acreditar que realmente Jesus Cristo é verdadeiro Deus e verdadeiro homem é a base da nossa fé.

Não ter medo de O anunciar é dom que o Senhor permite pois Ele é fiel apesar da nossa infidelidade.

 

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. Lucas                                          Lc 17, 11 - 19

Foram  curados 10 leprosos no caminho mas só um voltou para agradecer.

O homem só é grande quando se reconhece pequeno perante Deus e Lhe sabe dar graças pelos bens recebidos.

Foi só um estrangeiro que voltou… Será que estando ‘instalados’ na nossa religiosidade não sabemos ver este amor gratuito que o Senhor tem para connosco?

publicado por decordovanaturais às 13:24
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds