.posts recentes

. O enfoque da Esperança

. Festa dos Arcanjos S. Mig...

. A Relva

. Umas quadras aos santos p...

. Serei eu simples momento?

. Santa Sofia

. O espelho do meu caos int...

. Eu e o meio envolvente

. Super Nani

. Jonas e S. Vicente

.arquivos

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Setembro 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2007

A Oeste nada de novo

Este é o título de um romance que fala da segunda guerra mundial.
Como agora habito a oeste do Alentejo, o cabeçalho até não fica mal se tivermos em conta que não sei o que dizer. Mas se até a 'minha prima Georgina que gosta muito de dizer coisas', nos dizeres de Raul Solnado, estava sempre a dizer algo sem interesse, também eu pretendo fazer um esforço sobre-humano para que os meus amigos possam, de algum modo, imaginar o meu dia-a-dia.
Parece que os alunos desta escola costumam trazer o fato de banho todo o ano para poderem ir à praia depois das aulas. Espero que sobre algum tempo para estudarem Economia porque lá para Junho terão exame :)
Alguns dos meus colegas do ano passado 'queixam-se' das minhas arbitrariedades como coagir a irem ao Moodle. Não será isto uma prova de colaboração? É que este ano eu vou continuar a fazer a mesma proposta: Vão ao Moodle! Irá ser muito mais divertido pois em paralelo com os estremocenses que pretenderem vou apoiar os cascaenses, com a mesma disciplina ( Economia, entenda-se, que não estou a pensar em sevícias ). Será interessante uma partilha de ideias a modos do rato do campo que foi visitar o primo, o rato da cidade. Até pode acontecer que no final se façam umas visitas de estudo em comum e possamos convidar os do interior a virem à praia. E que tal se depois se pagar  essa visita com um convite para estes de cá irem lá  caçar gambuzinos?
Na próxima semana, quando o Sr 1º me 'vender' o computador irei repor o Moodle em dia. Convido a todos a irem lá colocar elementos no portfólio e realizar os exercícios.
Comecem com o pé direito, isto é, estudem desde o princípio, façam revisões, pelo menos as matérias com exame à vista e não gastem o tempo todo no namoro.
Bom trabalho!
publicado por decordovanaturais às 13:20
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds