Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

decordovanaturais

decordovanaturais

 

 

Estamos em pleno período de férias em que todos somos convidados a descomprimir das apoquentações e inquietações de todos os dias.

Férias constituem um tempo não para futilidades mas para fazer algo diferente, o que não conseguimos fazer durante o resto do ano.

Férias são um tesouro oferecido por Deus. Consolemo-nos pela Sua bondade.

 

1ª leitura: do Primeiro Livro dos Reis                         1Reis 3, 5. 7 – 12

Salomão agiu com prudência e humildade ao pedir ao Senhor para o ensinar a distinguir o bem do mal. Preferiu este conhecimento ao ouro e à prata que corrompem. Deus deu-lhe ambas as coisas.

Seremos nós capazes de pedir para nós o dom do discernimento?

 

2ª leitura: da Epístola aos Romanos                           Rom 8, 28 – 30

São Paulo ensina-nos que a salvação de Deus, embora gratuita e para todos não é uma riqueza ganha sem esforço: É necessário queremos amar o Senhor para sermos chamados e é necessário respondermos afirmativamente para sermos justificados e glorificados para a vida eterna.

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. Mateus               Mt 13, 44 – 52

Estas três parábolas falam de tesouros: um que é encontrado, outro procurado e outro ainda fruto de muito esforço.

Para ter cada um é necessário fazer escolhas.

Também no nosso caminho há que discernir entre o que agrada a Deus e o que agrada aos homens.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.