Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

decordovanaturais

decordovanaturais

 

Tanto os bombeiros como os escuteiros aprendem a estar sempre preparados.

Este lema de vida exige uma vigilância permanente, um Alerta constante a tudo o que se passa à volta para que seja possível prontidão na resposta pedida.

As leituras deste 32º Domingo desenvolvem esta temática. Há que estar vigilante. Na nossa vida social mas também, e sobretudo, na nossa vida intima. A qualquer momento Deus nos pode chamar.

Possamos dizer com o salmista: A minha alma tem sede de Vós, Senhor.

 

1ª leitura: do Livro da Sabedoria                                                        Sab 6, 12 – 16

É a Sabedoria que nos ensina como devemos estar vigilantes.

Ela quer encontrar-se connosco. Queremos nós procurá- la?

 

2ª leitura: da primeira Epístola de S. Paulo aos Tessalonicenses                    1 Tes 4, 13 – 18

Se de verdade acreditamos em Jesus não temeremos a morte.

O Senhor ressuscitou e seguindo-O, Ele nos ressuscitará também.

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. Mateus                                      Mt 25, 1 – 13

É bem conhecida a parábola das 10 virgens. No entanto por vezes não fazemos caso e esquecemos a advertência que nos é dirigida.

Estaremos sempre preparados para o chamamento do Senhor? É que não sabemos o dia nem a hora…

Tenhamos o alforge cheio de boas obras para não ouvirmos Deus dizer que não nos conhece.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.