Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

decordovanaturais

decordovanaturais

 

Entramos na última semana da Quaresma e também na última das catequeses batismais. Depois de vermos que Jesus nos mata a sede e quer iluminar o nosso caminho, estamos hoje perante a lição que nos mostra como Ele é a Vida e a quer dar a cada um de nós.

Já não precisamos de temer a morte, seja no sentido físico, pois sabemos que há uma vida eterna para além desta limitada que temos, quer no sentido ontológico, quando nos sentimos oprimidos de qualquer forma. Se aceitarmos em nós este poder de Deus sentir-nos-emos libertos e livres. Saibamos dizer como o salmista: Eu confio no Senhor.

 

1ªleitura: da Profecia de Ezequiel                                              Ez 37, 12 – 14

Ezequiel é o profeta da esperança pois a partir dele começa a tomar sentido a ressurreição e a vida eterna.

Nesta visão teofânica ele ensina-nos que o Senhor quer dar-nos uma vida nova, arrancando-nos dos nossos medos, infundindo em nós o Seu espírito para que possamos viver.

 

2ªleitura: da Epístola de S. Paulo aos Romanos                          Rom 8, 8 – 11

O apóstolo incentiva-nos a deixarmo-nos inundar pelo espírito de Deus para que possamos aspirar à vida definitiva.

O homem não é só carne mas é naturalmente espiritual.

 

3ª leitura: do Evangelho segundo S. João                       o 11, 3 – 7. 17. 20 -27. 33b – 45

Ao chegar junto ao sepulcro do amigo, Jesus chorou. Mostrou assim que era homem e que não é mal um homem chorar.

Mas para mostrar que era Deus, mandou retirar a pedra do sepulcro. Quer também que retiremos as nossas pedras que nos prendem na morte.

Jesus ordenou e Lázaro saiu do sepulcro. Seremos nós mais surdos do que um morto?

 Basta acreditar em Jesus Cristo que é ressurreição e vida e nos promete não ficarmos na morte.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.